Press "Enter" to skip to content

Seguro vira grande aliado das PMEs na gestão de riscos

Os efeitos da pandemia de covid-19 na economia atingiram empresas de todos os portes e setores, colocando muitas delas em dificuldade para manter suas operações de forma saudável.

Power BI para Investidores

Os desafios, apesar de inúmeros, não foram novidade para uma indústria secular como a de seguros, cujo risco é sua matéria-prima. Além de comprovar sua resiliência em momentos de crise, as seguradoras foram convocadas a atender a uma demanda crescente por proteção.

E se enfrentar turbulências econômicas é difícil para qualquer empresa, nas pequenas e médias (PMEs) isso se torna fator determinante na continuidade dos negócios.

É este o contexto que tem feito a Sompo Seguros – empresa que já tem uma ampla gama de produtos nos segmentos corporativos (grandes riscos) e massificados, além de produtos voltados para pessoa física e PMEs –, reforçar a oferta de proteção para as empresas.

“Com a pandemia, tivemos de aprender novas formas de nos relacionar e muitas empresas tiveram de reavaliar ou mudar completamente a maneira de fazer negócios. Mesmo assim, o mercado de seguros apresentou crescimento em diferentes linhas de negócio”, diz Alfredo Lalia Neto, CEO da Sompo Seguros, empresa do Grupo Sompo Holdings, de origem japonesa.

Seguros em alta

O executivo cita dados que comprovam a resiliência e a importância do setor de seguros em meio à crise.

O crescimento do ramo de seguro de vida no primeiro semestre deste ano, sobre igual período de 2020, foi de 19,1%, dado que inclui a venda de cobertura individual ou coletiva, para o segmento empresarial.

Na mesma base de comparação, segundo dados da Confederação Nacional das Seguradoras (CNSeg), o seguro empresarial avançou nada menos do que 20,2%, com 1,5 bilhão de reais em vendas (prêmios).

“A criatividade com que encontramos soluções para superar desafios desta pandemia é sem igual. Seguimos atuando fortemente junto com os parceiros corretores, plataformas e assessorias de seguros para garantir a qualidade na contratação da apólice e na prestação de serviços ao segurado”, afirma Lalia Neto.

Na Sompo Seguros, os produtos massificados representam 46% da carteira, enquanto os seguros corporativos são responsáveis por 43% e os seguros de pessoas (vida e prestamista) contemplam 11% da carteira.

Foco nas PMEs

A companhia conta com estratégia de crescimento para todas as linhas de negócios, mas com foco no incremento da participação nos seguros massificados, que contemplam as PMEs.

“Cada empresa precisa de coberturas e limites máximos de indenização, ou pagamento, que estejam relacionados à sua atividade, porte e abrangência, entre outros aspectos”, comenta Lalia Neto destacando a flexibilidade para a contratação e abrangência das coberturas oferecidas pela seguradora.

Dentro desta estratégia de atuação, o seguro Sompo Empresarial atende a empresas em diferentes segmentos da indústria, do comércio e de serviços e com dois tipos de produto: o Sompo Empresarial Super (para empresas com patrimônio acima de 3 milhões de reais) e o Sompo Empresarial Simplificado (patrimônio de até 3 milhões de reais).

“Empreender já é uma atividade em que deve ser considerada uma série de riscos. Mitigá-los faz parte do planejamento geral da empresa e pode ser um fator crucial para a longevidade do negócio. É aí que entra o seguro empresarial”, explica o CEO, acrescentando que mais gestores passaram a incluir a contratação do seguro no planejamento estratégico-financeiro anual de suas empresas, reconhecendo como uma necessidade.

Na Sompo Seguros, as PMEs já representam a maior parte dos contratos vigentes no ramo de seguro empresarial. Ainda assim, o espaço para atender às empresas segue enorme. As PMEs correspondem a mais de 90% do total de empresas registradas no Brasil.

“Há estimativas de que mais de 70% delas ainda não contam com cobertura securitária. Isso mostra que há um mercado bastante expressivo para a evolução do seguro empresarial nessa categoria”, comenta Lalia Neto.

“Na Sompo, temos percebido uma alta aceitação do produto em atividades como escritórios, escolas, consultórios, transportadoras, mecânicas, academias, entre outros”, afirma o executivo.

Coberturas diversas

O ramo compreensivo empresarial, que abarca contratos com diferentes tipos de cobertura, alcançou 153,8 milhões de reais no primeiro semestre de 2021, o que representa um crescimento de 9,8% frente aos 140 milhões de reais no mesmo período de 2020.

Além das coberturas básicas do Sompo Empresarial Simplificado e do Super, como incêndio, explosão ou queda de raio, há coberturas adicionais que incluem roubo/furto, lucros cessantes, responsabilidade civil e danos elétricos, que podem ser incluídos nos contratos dependendo da demanda de cada empresa.

“O plano de Assistência 24 Horas também é relevante para manter a empresa operando”, comenta o CEO, se referindo a serviços especializados de chaveiro, cobertura provisória de telhados, reparos hidráulicos e elétricos, entre outras.

Vistoria à distância

A Sompo Seguros e o mercado segurador como um todo vêm avançando na digitalização dos processos.

Serviços como atendimento por meio de WhatsApp, envio de documentos e imagens em caso de sinistro realizados pela plataforma aceleram o processo de pagamento das indenizações. Imagens de sinistros de pequeno valor também podem ser informadas pelo serviço “Vistoria na Palma da Mão”, em que por meio de um link enviado pelo SMS o segurado recebe orientações para envio de imagens e documentos direto pelo celular.

“Já temos um portfólio amplo de coberturas voltadas para empresas e com flexibilidade na contratação. Neste momento, nossos esforços são para incrementar a participação e abrangência nas diferentes regiões do país e para seguir inovando nos produtos que oferecemos. Novidades podem surgir dentro em breve”, destaca Lalia Neto.

Mission News Theme by Compete Themes.