quinta-feira, maio 6

Samsung Galaxy S8 deixa de receber atualizações de segurança para Android

O Samsung Galaxy S8 e o Galaxy S8+ não vão mais receber novas atualizações de segurança. A Samsung removeu os dois smartphones da lista de celulares e tablets que são contemplados regularmente por novos updates para corrigir brechas do Android. O S8 Active e S8 Lite, por outro lado, permanecem na relação.

Samsung Galaxy S8 (Imagem: Tecnoblog)

Samsung Galaxy S8 (Imagem: Tecnoblog)

A alteração no ciclo aconteceu um ano após a Samsung reduzir a quantidade de updates aos celulares. Em maio, a fabricante levou o Galaxy S8 e S8+ para o grupo de dispositivos que recebem novidades a cada trimestre. Mais tarde, o S8 e S8+ passaram a ser atualizados somente duas vezes por ano.

Agora, a Samsung retirou os dois telefones de março de 2017 da relação. Isto significa que tanto o Galaxy S8 quanto o Galaxy S8+ não terão mais atualizações de segurança fornecidas pela fabricante. A Samsung, vale lembrar, não disponibilizou o Android 10 aos telefones, assim como aconteceu com o Galaxy Note 8.

Mas nem todos os celulares da linha foram retirados da lista. O S8 Active, lançado em agosto de 2017, ainda recebe updates trimestrais. Já o S8 Lite, de 2018, conta com melhorias de segurança semestrais.

Samsung Galaxy S8 (Imagem: Tecnoblog)

Samsung Galaxy S8 (Imagem: Tecnoblog)

Galaxy S8 Active e Lite continuam sendo atualizados

Celulares das linhas Galaxy S10, S20, S21, Note 9, Note 10, Note 20, Galaxy Z, além do Galaxy Fold, continuam na lista de smartphones com pacotes de segurança mensais. O mesmo é dito para os novos Galaxy A52 e A52 5G. Para o público corporativo, a lista é composta pelo Galaxy A50, XCover 4s, Xcover FieldPro, Xcover Pro e Xcover 5.

Já as correções trimestrais chegarão ao Galaxy S8 Active, S9 e S9+, além do Note 8, F62, W20 5G e W21 5G. Para o público corporativo, este prazo de 90 dias é aplicado somente ao Galaxy A8 (2018). Confira os demais dispositivos da lista:

  • Galaxy A10e, A10s, A20e, A20s, A30s, A40, A50s, A60, A70, A70s, A80 e A90 5G;
  • Galaxy A01, A01 Core, A11, A21, A21s, A31, A41, A51, A51 5G, A71 e A71 5G;
  • Galaxy A02, A02s, A12, A32, A32 5G, A42 5G, A72 e A82 5G;
  • Galaxy M10s, M30s e M40;
  • Galaxy M01, M11, M21, M31, M31s, M51 e M12;
  • Galaxy Tab A 8 (2019), Tab A 8.4 (2020), Tab A7, Tab Active 2, Tab Active Pro e Tab Active 3;
  • Galaxy Tab S6, Tab S6 5G, Tab S6 Lite, Tab S7, Tab S7+ e View 2.

A Samsung ainda disponibiliza o patch de segurança duas vezes ao ano para outros smartphones. Entre eles, está o já citado Galaxy S8 Lite, Galaxy Note FE (2017), M10, M20 e o M30. Veja, a seguir, os demais celulares e tablets da relação:

  • Galaxy A6, A6+, A7 (2018), A8+ (2018), A8 Star, A8s, A9 (2018), A2 Core, A10, A20 e A30;
  • Galaxy J2 Core, J3 (2017), J3 Top, J4, J4+, J4 Core, J5 (2017), J6, J6+, J7 (2017), J7 Duo, J7 Prime 2, J7 Top, J7 Max, J7 Neo, J7+ e J8;
  • Galaxy Tab A (2017), Tab A 10.5 (2018), Tab S4, Tab E 8 Refresh, Tab A 10.1 (2019), Tab A com S Pen e Tab S5e.

Com informações: 9to5Google e Samsung

Samsung Galaxy S8 deixa de receber atualizações de segurança para Android