quarta-feira, março 10

Petrobras despenca e lidera perdas do Ibovespa com ameaça de Bolsonaro

As ações da Petrobras (PETR3/PETR4) lideram as perdas do Ibovespa nesta sexta-feira, 19, chegando a superar 5% de desvalorização. A forte queda ocorre após declarações do presidente Jair Bolsonaro contrárias ao aumento de preços promovido pela estatal.

Conheça o maior banco de investimentos da América Latina e invista com os melhores assessores

Em live realizada na noite de quinta-feira, 18, Bolsonaro afirmou que o aumento de preço foi “fora da curva” e disse que irá fazer “alguma coisa” com a Petrobras nos próximos dias, sem especificar o quê. Parte do mercado interpretou como uma ameaça direta ao presidente da estatal, Roberto Castello Branco.

Sob risco de intervenção, as ações da companhia não têm conseguido acompanhar a alta do preço do petróleo, que acumula alta de mais de 20% no ano. Com a desvalorização desta sexta, os papéis da estatal passam a acumular queda em 2021, enquanto outras petroleiras têm fortes ganhos no período.