sábado, fevereiro 27

O Brasil bananeiro das vacinas

A presidente da Interfarma, Elizabeth Carvalhaes, que representa a Pfizer e a Johnson & Johnson, disse para a Folha de S. Paulo que o Brasil deveria, “como todo o mundo ocidental”, aceitar os critérios estabelecidos pelos laboratórios para a compra das vacinas…

Leia este conteúdo na integra em: O Brasil bananeiro das vacinas