sexta-feira, abril 2

Nicholas Podany será filho de Macaco Louco em série de As Meninas Superpoderosas

Depois de O Clube das Winx, outra animação nas graças do público destinada a ganhar uma série live-action é As Meninas Superpoderosas. E nesta sexta-feira (2), mais informações sobre o elenco vieram à tona. Acontece que o ator Nicholas Podany (que viveu Albus Potter na versão norte-americana da peça Harry Potter e a Criança Amaldiçoada) vai dar vida ao filho do lendário vilão Macaco Louco na produção em questão.

Quem está por trás dessa versão live-action da animação do Cartoon Network é o canal The CW, o mesmo do Arrowverse de séries como The Flash e Supergirl. No entanto, podemos esquecer as meninas fofas e inocentes que conhecemos. Isso por que a atração aposta numa trama em que as heroínas estão agora na casa dos 20 anos de idade, desiludidas por terem perdido toda a infância lutando contra os monstros para salvar a cidade. E é nesse momento de questionamento que elas se deparam com o grande desafio de precisar salvar a população novamente.

De acordo com o site Comicbook, o personagem interpretado por Nicholas Podany se chama Joseph Mondel Junior, que leva o apelido de Jojo (O mesmo que o do Macaco Louco na versão em inglês, Mojo Jojo). “Quando criança, o nerd, sedento de poder e inseguro Jojo era obcecado pelas Meninas Superpoderosas, apesar do rancor de seu pai contra elas. Já adulto, Jojo encontra sua doçura e raiva em uma batalha constante”, descreve o portal.


CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.

Nicholas Podany, que viverá filho de Macaco Louco no live-action (Imagem: Reprodução/Instagram/nicholaspodany)

Podany se junta a um elenco que contempla Donald Faison (Scrubs) como Professor Utônio e Chloe Bennet (Agents of SHIELD), Dove Cameron (Descendentes) e Yana Perrault (do musical Jagged Little Pill, da Brodway) como Florzinha, Lindinha e Docinho, respectivamente.

O projeto, que foi anunciado originalmente em agosto de 2020, começará a ser filmado em breve. O nome ainda foi encurtado de As Meninas Superpoderosas para simplesmente Superpoderosas. Pelo menos na versão original (de Powerpuff Girls para Powerpuff). Não temos ainda o título oficial da série em português.

O projeto vem dos escritores e produtores executivos Heather Regnier e Diablo Cody, conhecida por escrever a comédia Juno. Greg Berlanti, Sarah Schechter e David Madden também serão os produtores executivos da Berlanti Productions, enquanto a produção geral é da Warner Bros.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech: