domingo, fevereiro 28

Netflix renova Fate: A Saga Winx para segunda temporada

A Netflix anunciou na última quinta-feira (18) a renovação de Fate: A Saga Winx, série original que chegou ao catálogo em janeiro e dividiu opiniões entre o público. A produção é adaptada da animação infantil de 2004, que durou oito temporadas e apresentou seis fadas com poderosas habilidades dispostas a salvar o universo.

Pela crítica especializada, Fate teve uma má recepção, adquirindo apenas 35% de aprovação baseado em 17 reviews. A maior rejeição, no entanto, partiu do público, que não ficou satisfeito com a fidelidade do figurino, personagens e poderes da história baseada no desenho. Mesmo assim, a série permaneceu no Top 10 da Netflix por dias seguidos, além de ser altamente comentada nas redes sociais, o que justifica sua renovação em tão pouco tempo.

De acordo com o The Wrap, a segunda parte de Fate: A Saga Winx terá oito episódios de uma hora cada, dois a mais do que a primeira temporada. O elenco já confirmado para os novos episódios incluem Abigail Cowen como Bloom, Hannah van der Westhuysen como Stella, Precious Mustapha como Aisha, Eliot Salt como Terra e Elisha Applebaum como Musa. A série deve entrar em produção ainda esse ano, na Irlanda.

“Notícias adicionais de elenco para a segunda temporada serão anunciadas em uma data posterior”, declarou um porta-voz da Netflix para o veículo estrangeiro. Ainda não há nada confirmado, mas os fãs esperam a possibilidade de Flora ou Tecna surgir na nova temporada, já que foram “esquecidas” nos primeiros episódios.

“Você nunca sabe quem pode aparecer no Alfea no próximo semestre…”, declarou o showrunner e produtor executivo Brian Young no comunicado da renovação.

Fate: A Saga Winx retornará para segunda temporada (Imagem: Divulgação / Netflix)

Fate: A Saga Winx segue a jornada de amadurecimento e aperfeiçoamento das habilidades de cinco fadas que frequentam Alfea, um conceituado colégio para seres místicos. Após Bloom, a fada de fogo, ingressar na instituição, muitos mistérios acabam sendo revelados que mostram que a aluna possui um passado muito maior com o internato do que ela pensa.

A primeira temporada está disponível na Netflix.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech: