Press "Enter" to skip to content

Multilaser G Max 2: celular nacional quer competir com Redmi 9 e Galaxy A12

Power BI para Investidores

O mais novo smartphone de entrada da Multilaser acaba de chegar ao mercado brasileiro se destacando pelo conjunto simples com três câmeras traseiras e dois modelos com mudanças em memórias e versões do Android 11.

De patinho feio à Bolsa: como a Multilaser se tornou uma empresa de R$ 9 bilhões Multilaser atualiza linha G ainda com 2 GB de memória RAM por R$ 880

Meses após o lançamento de novos integrantes da linha G, a Multilaser agora lança no Brasil o novo celular básico para o segmento de entrada: o Multilaser G Max 2.

(Imagem: Reprodução/Multilaser)

O modelo conta com tela de 6,5 polegadas com resolução HD+, entalhe em formato de gota para abrigar a câmera frontal e apresenta uma tampa traseira de plástico com leitor biométrico para desbloqueio do dispositivo.


CT no Flipboard: você já pode assinar gratuitamente as revistas Canaltech no Flipboard do iOS e Android e acompanhar todas as notícias em seu agregador de notícias favorito.

Ainda no painel traseiro a Multilaser destaca um conjunto com três câmeras, sendo um sensor principal com resolução de 13 MP e outros dois sensores com de 2 MP cada. A câmera frontal de resolução de 5 MP.

(Imagem: Reprodução/Multilaser)

Para a bateria a fabricante aposta em uma célula com capacidade de 4.000 mAh e conector micro USB para carregamento e transferência de dados, diferente de competidores que já passam a adotar o USB-C reversível até em dispositivos mais acessíveis.

Como citado no início, o G Max 2 chega ao Brasil em duas versões: uma mais barata com 2 GB de RAM e 64 GB de armazenamento e Android 11 Go, enquanto a versão mais parruda oferece o dobro de memórias — saltando para 4 GB de RAM e 128 GB de armazenamento —, e traz o Android 11 “normal”.

Com esse conjunto, o aparelho se mostra uma alternativa a rivais básicos como Redmi 9 e Galaxy A12, oferecendo uma opção para quem não gosta das interfaces customizadas por Xiaomi e Samsung.

Preço e disponibilidade

A Multilaser confirma que seu novo smartphone pode ser adquirido no Brasil pelo seu site oficial ou em lojas de varejo a partir desta quarta-feira, 15. O Multilaser G Max 2 com 2 GB + 64 GB chega com preço sugerido de R$ 999, enquanto o modelo com 4 GB + 128 GB é lançado por R$ 1.199.

Multilaser G Pro 2: ficha técnica

Tela: 6,5 polegadas com tecnologia IPS LCD e resolução HD+
Chipset: octa-core (modelo não especificado)
Memória RAM: 2 e 4 GB
Armazenamento interno: 64 e 128 GB
Câmera traseira: 13 MP (principal) + 2 MP + 2 MP
Câmera frontal: 5 MP
Dimensões: 165,2 x 97 x 7,6 mm (LxAxP)
Bateria: 4.000 mAh
Extras: leitor de digitais na traseira, 4G, Bluetooth
Cores disponíveis: preto e dourado
Sistema operacional: Android 11 (4 GB) e Android 11 Go (2 GB)

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech:

Marvel mostra de forma criativa como as garras de Wolverine podem matar o Hulk Apple reduz preço do iPhone 12 e 11 em até R$ 1.500; iPhone XR é descontinuado 32 apps e jogos temporariamente gratuitos para Android nesta terça (14) WhatsApp perderá suporte em 43 celulares em novembro; veja se o seu é um deles Xiaomi deve lançar novo notebook gamer barato ainda neste mês

Mission News Theme by Compete Themes.