quarta-feira, maio 12

Em carta a Bolsonaro, Mandetta defendeu isolamento social e alertou para colapso da saúde