Press "Enter" to skip to content

CPI da Covid: Banco do Brasil pede 30 dias para liberar sigilo de empresa de publicidade

O Banco do Brasil pediu à CPI da Covid um prazo de 30 dias para entregar as quebras de sigilo bancário e fiscal da empresa Calya Y2 Propaganda, agência que tem contratos com o governo federal e é suspeita de integrar o chamado “Ministério da Saúde paralelo”…

 

Leia este conteúdo na integra em: CPI da Covid: Banco do Brasil pede 30 dias para liberar sigilo de empresa de publicidade

Mission News Theme by Compete Themes.