Press "Enter" to skip to content

Biden insiste que mais ricos paguem ‘parcela justa’ de imposto

O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, reafirmou nesta terça-feira, 14, sua defesa de que os mais ricos e as grandes empresas paguem sua cota justa de impostos no país. “É o momento dos super-ricos e das grandes corporações pagarem sua parcela justa em impostos”, disse ele, pelo Twitter.

Como a política dos EUA pode afetar os investimentos? Aprenda a investir com a EXAME Academy

Nesta semana, deputados do governista Partido Democrata apresentaram proposta tributária que prevê receita de US$ 1 trilhão em dez anos com aumento nos impostos para empresas e também US$ 1 trilhão com a cobrança de um imposto maior para famílias de alta renda.

O objetivo da iniciativa é financiar um pacote de US$ 3,5 trilhões em medidas com foco na mudança climática e outras frentes, consideradas cruciais para os EUA avançarem segundo o presidente.

Vice-porta-voz da Casa Branca, Karine Jean-Pierre também defendeu plataformas do governo do presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, durante entrevista coletiva a bordo do Air Force One. A porta-voz lembrou que o governo deseja que os mais ricos paguem “a parcela justa” de seus impostos, impedindo-os de usar saídas legais para reduzir seus tributos. Além disso, enfatizou a importância da agenda ambiental e de como as pautas econômicas também devem ser vistas em linha com aquela.

Questionada sobre notícia segundo a qual os EUA e a União Europeia anunciarão meta para reduzir suas emissões de metano, a porta-voz disse que não tinha nada a comentar sobre o assunto neste momento. Jean-Pierre tampouco disse se Biden poderia firmar uma lei com gastos menores, em seus projetos de infraestrutura e outros gastos para apoiar a economia.

Fique por dentro das principais notícias do Brasil e do mundo. Assine a EXAME

Mission News Theme by Compete Themes.