quarta-feira, abril 28

Apple lança app para acessórios de companhias licenciadas ao recurso Buscar

A Apple está testando a integração de acessórios de empresas licenciadas ao app Buscar (Find My, na versão em inglês) do iOS. A companhia publicou um programa na sua loja chamado Find My Certification Asst., voltado exatamente para que empresas possam testar a procura dos produtos usando o Buscar.

O app é já um velho conhecido de quem usa dispositivos iOS. Pelo Buscar, é possível encontrar dispositivos da Apple como iPhones, iPads e outros com precisão geográfica. Agora, a proposta é abrir esta funcionalidade para produtos de companhias licenciadas da Apple. Para isso, as empresas interessadas devem conseguir a certificação chamada MFi pelo site da Maçã. Sem seguida, passam a poder incluir seus produtos no Find My Certification Asst. e começar a testar o recurso.

Descrição do aplicativo na loja da Apple (Foto: Captura/App Store)

A ideia é que as companhias licenciadas consigam ajustar configurações simples como desligar o aparelho remotamente, colocar um aviso na tela do dispositivo avisando que o dispositivo está perdido, ou mesmo soltar algum som para facilitar a busca. O programa está disponível na App Store desde o último dia 4 de abril e mostra que a Apple está próxima de liberar o recurso para outras empresas.


Participe do GRUPO CANALTECH OFERTAS no Telegram e garanta sempre o menor preço em suas compras de produtos de tecnologia.

Batalha dos rastreadores

A Apple já anunciou que está trabalhando nas AirTags, uma espécie de chaveiro rastreador que pode ser colocado junto a itens preciosos e ser encontrado pelo app Buscar no iOS. Embora a notícia tenha sido bem-vinda para os usuários da Maçã, a gigante deste setor, a Tile, não gostou nada da movimentação. A empresa recorreu à justiça dos EUA e União Europeia apontando que a concorrente teria vantagem no setor, pois o programa Buscar vem baixado por padrão em iPhones, iPads e dispositivos da companhia.

Em resposta, a gigante do iOS começou a abrir a plataforma e informou na conferência de desenvolvedores Worldwide Developer Conference do ano passado, para que as companhias licenciadas possam integrar seus produtos, softwares e serviços ao app Buscar.

Leia a matéria no Canaltech.

Trending no Canaltech: