sexta-feira, maio 7

A vencedora do BBB que multiplicou o prêmio de R$ 1 milhão

O que você faria se ganhasse 1 milhão de reais? Compraria uma casa, um carro, faria uma viagem dos sonhos, ajudaria os familiares ou investiria o dinheiro na Bolsa? Mara Viana, 48 anos, não teve dúvida quando recebeu esse valor ao ganhar o prêmio da sexta edição do programa Big Brother Brasil, em 2006. Na época, a ex-auxiliar de enfermagem investiu o dinheiro no setor imobiliário. Hoje, 15 anos depois da sua participação no reality show — cuja edição neste ano acaba nesta terça, 4 –, ela tem uma vida financeira confortável graças aos rendimentos de seus investimentos.

A Exame Academy oferece o MBA perfeito para dar um salta em sua carreira profissional. Venha conhecer

Assim que recebeu o dinheiro do programa, Viana decidiu sair da periferia da cidade de Porto Seguro, na Bahia, e comprou uma casa para morar com a filha. A decisão foi tomada pensando na segurança da família. Além da casa própria, ela tinha em mente que gostaria de ter uma renda mensal de no mínimo 10.000 reais.

Com esse objetivo, a estratégia foi comprar imóveis comerciais na cidade baiana, reformar e alugar. “Eu morei durante muitos anos de aluguel. Eu sabia que era um dinheiro certo. Queria que meu dinheiro crescesse”, disse à EXAME Invest.

Mara Viana – ela sonhava em ganhar um carro ao participar do programa em 2006Reprodução TV Globo/ Mara Viana/Reprodução Instagram/Exame

Mara Viana também comprou uma pousada próxima da praia. O empreendimento foi demolido em 2018 e, no local, ela construiu um prédio comercial de três andares. Segundo dados do DataZap, o valor médio do metro quadrado na cidade de Porto Seguro é de cerca de 5.300 reais. Hoje, todas as salas estão alugadas.

“Mesmo com a pandemia, as salas não ficaram desocupadas.” Ela não revela quanto vale o seu patrimônio nem quanto tem de renda mensal. Mas o valor é bem superior ao prêmio recebido.

Saúde da filha 

Mara Viana conta que não entrou no programa pensando em ser milionária. Seu objetivo maior era ganhar um carro para ajudar a transportar a única filha, Aracy Viana. Na época do programa, a menina tinha apenas 7 anos de idade e tinha sido diagnosticada com paralisia. Com o tratamento, os médicos chegaram à conclusão que ela tinha a síndrome de Little, uma patologia neurológica que poderia limitar sua mobilidade. Com o dinheiro conquistado, Viana conseguiu oferecer um tratamento médico mais adequado para a filha.

“Eu queria apenas um carro. Ganhei dois e 1 milhão de reais. Com o dinheiro, paguei um plano de saúde e fomos atrás de bons médicos, em outras cidades. Ela fez fisioterapia, RPG e natação. Antes, não tínhamos condições.”

Com o tratamento, a jovem deixou de se locomover com ajuda do andador e hoje usa um par de muletas apenas quando acha necessário, ou seja, em locais com pouca acessibilidade. Aracy Viana se formou em Direito e trabalha como advogada. Mara Viana se formou em Teologia e hoje cursa a segunda faculdade, de psicologia.

“Eu sou muito grata ao programa e tudo o que me proporcionou. O Pedro Bial [apresentador do programa na época] disse ao anunciar que eu era a campeã que eu nunca faria feio. Esse era o meu medo no programa. Tinha medo de fazer feio. Carrego essas palavras comigo até hoje. Eu não fiz feio e jamais farei.”

BBB 21: dicas para o ganhador 

A ex-campeã do programa conta que está assistindo a edição atual, que termina nesta terça-feira, 4. Sua torcida declarada é para a influencer Camilla de Lucas, finalista do programa junto com o cantor Fiuk e a advogada Juliette Freire.

A orientação que ela dá para quem ganhar o prêmio de 1,5 milhão de reais é deixar o valor aplicado durante um período, já que o cenário está muito incerto. “Com a pandemia é melhor deixar o dinheiro em alguma aplicação pelos nos próximos três anos”, aconselha Viana.

A EXAME Invest conversou com uma especialista em finanças para saber como o vencedor deve agir para preservar o dinheiro e fazê-lo render. Segundo Rejane Tamoto, planejadora financeira CFP, o primeiro passo é organizar os sonhos e os projetos pensando nos prazos (curto, médio e longo). “Quando você estabelece planos e prazos, a pessoa consegue enxergar se o dinheiro dará para realizar tudo. Às vezes, parece muito dinheiro, mas pode não ser o suficiente.”

Tamoto orienta ainda que o novo vencedor faça um diagnóstico de sua vida financeira. Caso tenha dívidas, é importante quitá-las ou buscar negociar com os credores. Além disso, antes de sair gastando, a pessoa deve montar uma reserva de emergência, considerando 6 meses do custo de vida. “Se for comprar uma casa, por exemplo, o valor do condomínio deve entrar no custo de vida.” O mesmo vale para a compra de carros. É importante lembrar do IPVA e do seguro.

A especialista em finanças também orienta que a nova campeã (ou campeão) do BBB 21 invista o dinheiro de maneira diversificada. “O dinheiro investido ajudará na realização dos projetos no médio e no longo prazo. O dinheiro da aposentadoria também entra nos investimentos.”

Sobre o investimento eventual em negócios ou empresas, Tamoto orienta que a pessoa abra um negócio ou se associe a algo que seja da área dela, ou seja, que tenha conhecimento do assunto. “O assédio ao ganhador é grande. É importante parar e pensar. Usar o dinheiro de forma racional. Coloque tudo em caixinhas pensando em prazos. Busque ajuda de profissionais. Se a pessoa se organizar, ela pode fazer o dinheiro crescer ainda mais.”